“O Dilema das Redes”: documentário da Netflix

Ótimo documentário para esclarecer o público em geral sobre o modelo de negócios das redes sociais.

A uns 50 anos atrás, uma discussão similar entrou na pauta: se a tv não estaria manipulando as pessoas.

A história, a gente já conhece, abusos aconteceram e algumas medidas foram adotadas no mundo e também no Brasil: o Conar (Conselho Nacional de Auto Regulamentação Publicitária) e mais recentemente a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados).

Por outro lado, o maior gigante da tecnologia, a Apple, que não tem anúncios como modelo de negócios, tem sido um contraponto a tudo isso. Nos seus dispositivos pode-se desligar boa parte desse rastreamento. (Um de seus fundadores aparece no documentário – Steve Wozniak).

Não acho que excluir as redes sociais seja a única e melhor opção. Da mesma forma acho que excluir a televisão e o rádio não seria uma boa solução. Em todos os canais de comunicação temos o direito, agora garantido por lei, de saber como nossos dados estão sendo tratados e para quais finalidades serão utilizados.

A diferença que o documentário aborda em ralação às mídias tradicionais  é uma questão mais avançada em termos de tratamento de dados: as máquinas de aprendizado ou “machine learning”. Basta lembrar que um destes algoritmos foi invencível em partidas de xadrez contra humanos.

Como toda tecnologia, a IA (inteligência artificial) em si mesma não é boa ou ruim. Bom ou ruim é o ser humano que usa diversas tecnologias para o bem ou para o mal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: